Translate

17 de fev de 2012

Meu estoque minha palheta

Esse é meu estoquinho, nem é tanta coisa, apesar de ja estar precisando de mais uma caixa. Tenho mais pano por aqui, mas estes são os amados e fofos e minha palheta de cores.


Eu amo escolher paninho! Nem sei direito como vou usar exatamente quando estou comprando, mas vou compondo combinações com alguma coisa que tenho, com idéias confusas que tenho para futuros projetos. E geralmente acabo usando em algo que nem planejava inicialmente. Eu não sou uma grande colecionadora de estampas, eu tenho uns tecidinhos que comprei por admirar demais a estampa, e mal uso eles, no maximo para um detalhe, hehehe. E noto que meu processo de criação se dá basicamente a partir destas escolhas com a compra dos paninhos.

Gente, eu estou me superando e perdendo a modestia, mas olhem se esta combinação de paninhos nao está mesmo uma coisa? (essa expressão foi a Andrea que tirou do baú em uma msg para mim, adoro).
 Lá do clube dos paninhos.
Impressão e cores perfeitas, importadinhos amados

Parece azulejo portugues, ou louça holandesa, muitas ideias para um foundation

meaus

Este painel de cores fortes  

Amo hortências, essa é muito minha!

Isso promete!

a comprinha, os pacotinhos no canto esquerdo sao cortes menores, pequenos kits
E como é bom ir variando a palheta. Daqui as ideias surgem. Resolvi dar continuidade a pesquisa de value, e explorar esta caixa de tecidos.
Aqui vao umas sequencias:
Dando sequencia ao estudo de value. 
Os verdinhos da ultima compra ja estao aqui
Aquele que deu origem a série Value. 



Como eu disse para a Mari um dia desses, é que nem livro livro bom, nao dá vontade que acabe, e vem o volume dois, volume 3....

Cada bloco com 18 polegadas
Para acompanhar e tentar aplicar value leia um pouco do que já postei aqui. 

Aqui em Guaratuba city muito calor, e meu carnaval voces ja viram o que vai dar samba.



8 comentários:

  1. Craw! Paninhos, estampas, é uma loucura, eu fico deslumbrada e tenho que me policiar, a vontade é de comprar tudo. Só quem faz parte desta loucura entende, né? bjs

    ResponderExcluir
  2. Craw, eu AMEI, com toda força da minha alma esse seus blocos-estudo-de-value! eu acho que afinal o que amo mais no patch é a cor muito bem usada. Muito, muito bacana!
    Também comprei o kit azul azulejo da Debora. Posso copiar o que você for fazer com eles? rsrsrs E que tecidos lindos vc comprou!
    bjocas mil jeanine

    ResponderExcluir
  3. Delícia de post, delícia de cores, delícia de estampas!
    É incrível como temos várias coisas em comum Craw, pois eu me relaciono com a escolha/compra/utilização dos meus paninhos da mesmíssima forma que vc. Meio empírico, meio identificação com algum projeto que tenho em mente, meio paixão à primeira vista. Mas, invariavelmente, a destinação para algo bem diferente do que tinha imaginado, rsrs. E ciúmes, muito ciúmes e até uma certa avareza em utilizar os que mais gosto, hehehe. Vai entender nossas cabeças, hein, amiga!
    Também estou prá postar as coisinhas que tenho feito, mas a preguiça tá imperando, rsrs.
    Beijos e ótimo Carnaval (seja ele como for).

    ResponderExcluir
  4. Cê me inspirou e atualizei meu bloguinho. Se quiser vai lá ver.
    Bjs.

    ResponderExcluir
  5. Ola
    que flores lindassssssss vinhemos desejar um feliz carnaval muita folia e muito divertimentoooooooooo.beijocasssssss

    ResponderExcluir
  6. Oi Craw!
    Já que vc comentou, eu "precisava" vir aqui desabafar um pouquinho sobre a questão das vendas. Menina, isso é sempre um parto prá mim. Primeiro porque as pessoas gostam e tal, mas querem pagar baratinho, tipo, só o custo do material, sabe? Não levam em conta o tempo que vc se dedica a pesquisar, escolher modelos, tecidos e... fazer! É como se isso não contasse. Fora que algumas pessoas agem como se vc fosse uma "serviçal", tipo: faz aí uns tapetinhos prá mim, mas usa uns tecidos "recicrados" prá ficar mais barato. Isso me dá nos nervos. Um dia uma chegou com um monte de pernas de calças jeans prá eu fazer uns tapetes prá ela. Nem foi maldade ou arrogância minha, mas minha máquina não aguenta nem uma barra de calça jeans, imagine sobreposição de costuras de jeans (num é uma Janome 2008, certo? rsrsr). Me recusei a fazer, devolvi as tais pernas e não é que ela ficou de biquinho? Fora que quando é encomenda me baixa um pânico que não sei de onde vem e começo a fazer um monte de cagadas. Outro dia uma lá queria uma bolsa toalha prá usar na praia no dia seguinte. Era umas 8 da noite e fui fazer a tal bolsa. As 9 e meia, já estava prontinha, mas quando fui dar a última passada, não vi que o ferro estava no último grau do inferno e QUEIMEI o trabalho, acredita? Sorte que tinha mais do tecido que ela escolheu e fiquei lá até as 11 e meia prá atender um capricho (sim, pois eu tinha pelo menos umas 6 bolsas prontas, todas lindas!). Sorte que não tomei cano com nenhuma, mas confesso que de "iguais" aqui no condomínio, passei a ser vista como uma "costureira" e não como uma "artesã" (e muito menos como artista!). Nada contra as costureiras, que passei a valorizar ainda mais depois que vi o quanto penam prá atender as madames e o quanto cansa ficar o dia todo sentada à máquina. Que vão catar coquinhos! Se quiserem comprar alguma peça minha que JÁ ESTEJA PRONTA, ok e que paguem o preço, seja de tricoline importada ou de lençol "recicrado" rsrsrs.
    É isso, desculpe o desabafo.
    Se quiser contar seus causos, sou toda ouvidos.
    Bjs querida.

    ResponderExcluir
  7. PS: Pode apagar também depois de ler, prá não ficar poluindo seu post, rsrsrs.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, é DISSO QUE EU TAVA FALANDO!!!! Voce me lembrou logo que comprei uma maquina e fiz um cursinho basiquissimo de costura e começou aparecer amiga pedindo para customizar roupa, fazer reforminha, aiaiaiai... nao dou conta nem das minhas reciclagens, cada um que faça a sua certo? Não faço nada disso. e sobre trabalhos que ferra na ultima etapa.... parece praga. Aconteceu comigo em um quilt muito elaborado.... ferrei no final.... encomenda... oh my GOD!!!!
      E todo respeito aos jeans reciclados para tapetes, desde que sejam nossos, kkkk.

      Excluir

Você não vai me deixar falando sozinha, vai?